Administração

De IBICT
Edição feita às 15h50min de 18 de setembro de 2013 por Washington (disc | contribs)

(dif) ← Edição anterior | ver versão atual (dif) | Versão posterior → (dif)
Ir para: navegação, pesquisa

A administração de um repositório consiste em um conjunto de procedimentos necessários para o seu pleno funcionamento. A maioria desses procedimentos são feitos diretamente nas páginas do DSpace. Em raros casos, será necessária a intervenção da equipe de informática, com orientação do administrador, para executar algum procedimento mais técnico. Assim, serão abordados os procedimentos executados diretamente no DSpace pelo administrador. Mais além, serão abordados outros procedimentos.

A administração implica em gerenciar os principais processos no repositório, o que envolve, na maioria dos casos, a recuperação e submissão de itens. Algumas das tarefas são mais evidentes na implantação do repositório, enquanto outras são constantes durante toda a sua existência. Em grande parte, as tarefas do administrador têm relação estreita com as políticas correspondentes a esse repositório.

Os procedimentos que são executados diretamente nas páginas do DSpace, de responsabilidade do administrador, envolvem três conjuntos principais de atividades:

  • contexto;
  • controle de acesso e;
  • registros.

Todos esses procedimentos necessitam do privilégio de administrador, sendo que essas opções não são apresentadas a outros usuários, pois os menus são dinâmicos.

Índice

Comunidades, Coleções e Itens

Fluxo de submissão

Usuários e grupos

Administradores

Gerenciar a estrutura informacional do repositório